sexta-feira, 17 de junho de 2011

Dois dias

Sexta à noite sempre é especial. Além de ser a "noite da pizza" para Paula e eu, em que a celebramos com gostos de tradição íntima, também é a "noite de Platão", prelúdio de dois dias cheios de projetos especiais e de coisas excitantes a serem feitas.
É certo que a frustração vindoura é amarga, pois, debochando da platônica sexta, o cético e noturno domingo vem mostrar, com cínicos ares, a dureza dos planos inconclusos, mas isso não importa.
Estamos à sexta, a pizza está por vir e a noite se inicia, alegre, "[p]ois Deus dá licença que o que não existe seja fortemente iluminado"...
Postar um comentário